Aterro de São José recebe nota 10 pela terceira vez

Data da publicação: 01/08/2022 - Tempo de leitura: 3 minutos

O aterro sanitário de São José dos Campos recebeu nota 10 conferida pela Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) pela terceira vez – sendo a segunda vez consecutiva. A nota se refere às operações realizadas no ano de 2021. 

O aterro, operado pela Urbam (Urbanizadora Municipal) recebeu a primeira pontuação máxima em 2012. O relatório aponta queda a partir de 2013 (9,7) 2014 (9,7), 2015 (8,6), 2016 (8,8). A nota subiu para 9 em 2017, 9,2 em 2018, 9,3 em 2019 e 10 em 2020.

São José é a única cidade da região a receber nota máxima. Poucas cidades têm condições de manter aterros municipais, e enviam os resíduos para aterros particulares.

A partir de 2017, a Prefeitura de São José dos Campos passou a realizar investimentos constantes na operação, na manutenção preventiva, no monitoramento e na ampliação sustentável do aterro sanitário, o que pode ser observado no aumento da pontuação ano a ano. A Urbam resgatou as boas práticas operacionais e de monitoramento técnico e ambiental com a gestão adequada do aterro sanitário da cidade.

Ações educativas de conscientização ambiental sobre a separação e destinação correta dos resíduos também fazem parte de uma boa gestão. A Urbam recebe alunos e demais visitantes pelo Programa Lixo Tour, onde conhecem todo o caminho percorrido pelos resíduos sólidos urbanos, tendo a oportunidade de conhecer o Museu Interativo do Lixo, a Recicloteca, o Viveiro de Mudas, o Centro de Triagem, a frente de trabalho do Aterro Sanitário e a Unidade de Tratamento de Biogás. Também estão em andamento ações dos programas de educação ambiental: Nós Fazemos a Nossa Parte, com orientações sobre a destinação dos resíduos nos órgãos municipais e o Meu Condomínio Recicla, voltadas aos condomínios residenciais.